Newsletter Nº191

Newsletter Nº191
News­let­ter Nº191

Faz hoje anos que nas­cia, em 1571, Johan­nes Kepler). Este astró­no­mo ale­mão for­mu­lou as três leis prin­ci­pais do movi­men­to pla­ne­tá­rio que per­mi­ti­ram a Isa­ac New­ton con­ce­ber a lei da gra­vi­ta­ção. A tra­ba­lhar a par­tir das posi­ções cui­da­do­sa­men­te medi­das dos pla­ne­tas regis­ta­das por Tycho Brahe, Kepler dedu­ziu mate­ma­ti­ca­men­te três rela­ções a par­tir dos dados: (1) os pla­ne­tas movem-se em órbi­tas elíp­ti­cas com o Sol num foco; (2) o vetor do raio per­cor­re áre­as iguais em tem­pos iguais; e (3) para dois pla­ne­tas, os qua­dra­dos de seus perío­dos são pro­por­ci­o­nais aos cubos de suas dis­tân­ci­as médi­as ao sol. Kepler suge­riu que as marés eram cau­sa­das pela atra­ção da lua. Ele acre­di­ta­va que o uni­ver­so era gover­na­do por regras mate­má­ti­cas, mas reco­nhe­cia a impor­tân­cia da veri­fi­ca­ção expe­ri­men­tal.

Faz tam­bém anos hoje que nas­cia, em 1654, Jacob Ber­noul­li. Este mate­má­ti­co e astró­no­mo suí­ço foi um dos pri­mei­ros a uti­li­zar ple­na­men­te o cál­cu­lo dife­ren­ci­al e intro­du­ziu o ter­mo inte­gral no cál­cu­lo inte­gral. As pri­mei­ras con­tri­bui­ções impor­tan­tes de Jacob Ber­noul­li foram um pan­fle­to sobre os para­le­los da lógi­ca e da álge­bra (1685), o tra­ba­lho sobre a pro­ba­bi­li­da­de em 1685 e a geo­me­tria em 1687. O seu resul­ta­do de geo­me­tria deu uma cons­tru­ção para divi­dir qual­quer tri­ân­gu­lo em qua­tro par­tes iguais com duas linhas per­pen­di­cu­la­res. Em 1689, ele publi­cou impor­tan­tes tra­ba­lhos sobre séri­es infi­ni­tas e publi­cou sua lei de gran­des núme­ros na teo­ria das pro­ba­bi­li­da­des. Ele publi­cou cin­co tra­ta­dos sobre séri­es infi­ni­tas (1682 — 1704). Jacob ficou intri­ga­do com a espi­ral loga­rít­mi­ca e pediu que fos­se escul­pi­da na sua lápi­de. Ele foi o pri­mei­ro da famí­lia de mate­má­ti­cos Ber­noul­li e irmão de Johann Ber­noul­li.

Faz igual­men­te anos hoje que nas­cia, em 1773, Geor­ge Cay­ley. Este pio­nei­ro aero­náu­ti­co inglês cons­truiu o pri­mei­ro pla­na­dor bem suce­di­do de trans­por­te huma­no (1853). Ele fez exten­sos estu­dos ana­tó­mi­cos e fun­ci­o­nais do vôo das aves. Medin­do as mas­sas mus­cu­la­res de aves e huma­nos, ele per­ce­beu que seria impos­sí­vel para os huma­nos amar­ra­rem um par de asas e ele­va­rem-se no ar. Os seus estu­dos pos­te­ri­o­res sobre os prin­cí­pi­os de sus­ten­ta­ção, resis­tên­cia e impul­so fun­da­ram a ciên­cia da aero­di­nâ­mi­ca da qual ele des­co­briu que as aero­na­ves esta­bi­li­za­do­ras exi­gi­am lemes tra­sei­ros ver­ti­cais e hori­zon­tais, que as asas côn­ca­vas pro­du­zi­am mais sus­ten­ta­ção do que super­fí­ci­es pla­nas e que as asas arras­ta­das pro­por­ci­o­na­vam mai­or esta­bi­li­da­de. Cay­ley tam­bém inven­tou o tra­tor de lagar­tas (1825), sinais auto­má­ti­cos de tra­ves­sia de fer­ro­vi­as, botes sal­va-vidas de auto-direc­ção e um motor de ar de expan­são (ar quen­te).

Por fim, faz anos hoje que nas­cia, em 1822, Louis Pas­teur. Este Quí­mi­co fran­cês é con­si­de­ra­do o fun­da­dor da micro­bi­o­lo­gia. Ele come­çou como quí­mi­co tra­ba­lhan­do nas pro­pri­e­da­des ópti­cas do áci­do tar­tá­ri­co e sua este­re­oquí­mi­ca (1849). Ele mudou-se para a micro­bi­o­lo­gia quan­do des­co­briu o papel das bac­té­ri­as na fer­men­ta­ção — que eram micror­ga­nis­mos na leve­du­ra cau­san­do a for­ma­ção de álco­ol a par­tir do açú­car — e pro­vou que o cres­ci­men­to de micro-orga­nis­mos não era gera­do espon­ta­ne­a­men­te a par­tir de maté­ria não-viva. Isto levou à com­pre­en­são da teo­ria do ger­me da infec­ção e ao seu méto­do de matar bac­té­ri­as noci­vas em líqui­dos, man­ten­do-as por um tem­po a uma dada tem­pe­ra­tu­ra, que ago­ra é conhe­ci­da como pas­teu­ri­za­ção. Ele cri­ou e tes­tou vaci­nas para dif­te­ria, cóle­ra, febre ama­re­la, pes­te, rai­va, antraz e tuber­cu­lo­se.

Nes­ta sema­na que pas­sou foi lan­ça­do o Ker­nel 4.20 do Linux. Linus Tor­valds, depois da sua sabá­ti­ca vol­ta aos coman­dos do Ker­nel Linux e 350.000 novas linhas de códi­go depois as novi­da­des são mui­tas. Des­de logo a remo­çao do con­tro­ver­so algo­rit­mo de cifra Speck da NSA, adi­ci­o­nan­do e melho­ran­do o supor­te a grá­fi­cos, CPUs e outros hardwa­res. Supor­te para AMD Picas­so e Raven 2 APU, Qual­comm Snap­dra­gon 835, melho­ri­as nos grá­fi­cos do Intel Ice­la­ke “Gen 11”. Tam­bém são intro­du­zi­dos alguns “fixes” para o pro­ble­ma do ano 2038 que é o ano em que o nume­ro de segun­dos des­de 1 Janei­ro de 1970 se esgo­ta (e vol­ta a zero) nos sis­te­mas de 32-bits.

Na News­let­ter des­ta sema­na apre­sen­ta­mos diver­sos pro­je­tos de maker assim como um mode­lo 3D que pode­rá ser útil. É apre­sen­ta­do o livro “Tea­ch Your­self Logic 2017: A Study Gui­de”.

Estan­do a pou­cos dias do final do ano res­ta-me dese­jar a todos em meu nome e em nome do altLab votos de um exce­len­te ano de 2019 com mui­tos pro­je­tos DIY!

Esta News­let­ter encon­tra-se mais uma vez dis­po­ní­vel no sis­te­ma docu­men­ta do altLab. Todas as News­let­ters encon­tram-se inde­xa­das no link.