Newsletter Nº284

Newsletter Nº284
Newsletter Nº284

Faz hoje anos que nascia, em 1850, o químico francês Henry Louis Le Chatelier. Ele ficou conhecido pelo princípio de Le Chatelier, que permite prever o efeito que uma mudança nas condições (temperatura, pressão e concentração dos componentes da reacção) terá sobre uma reacção química. Este princípio provou ser inestimável na indústria química para o desenvolvimento de processos químicos mais eficientes. Fritz Haber utilizou-o com sucesso em seu processo de produção de amónia. Os interesses de Le Chatelier começaram em metalurgia, cimentos, cerâmica e vidro, nos seus estudos de chamas que o levaram a estudar o calor e sua medição. De várias contribuições à termometria, a sua mais importante foi o primeiro projecto bem-sucedido de um termopar de platina e ródio para medir altas temperaturas (1887).

Faz também hoje anos que nascia, em 1869, o inventor norte-americano Frank Duryea. Ele em conjunto com o seu irmão Charles Duryea construiram o primeiro automóvel com várias cópias fabricado nos Estados Unidos. Em 28 de Novembro de 1895, Frank dirigiu seu carro para ganhar o primeiro prémio na primeira corrida de automóveis americana em Chicago, realizada pelo Chicago Times-Herald. Às 8h55, seis “motas” deixaram o Jackson Park em Chicago para uma corrida de 54 milhas até Evanston, Illinois, e de volta pela neve. O nº 5 de Duryeas levou pouco mais de 10 horas (média de 7,3 mph). No início de 1896, os Duryeas fabricaram 13 cópias do carro. Frank desenvolveu a “Stevens-Duryea”, uma limusina cara, que permaneceu em produção na década de 1920. Os irmãos são reconhecidos como “Pais da Indústria Automobilística Americana”.

Por fim, faz hoje anos que nascia, em 1913, o cientista aeroespacial norte-americano Robert Rowe Gilruth. Ele foi um dos pioneiros dos programas espaciais Mercury, Gemini e Apollo. Ele desenvolveu o X-1, o primeiro avião a quebrar a barreira do som. Gilruth dirigiu o Projecto Mercury, o programa inicial para realizar voos espaciais tripulados. Sob a sua liderança, o primeiro astronauta americano orbitou a Terra apenas um pouco mais de 3 anos após a criação da NASA. Em 1961, o presidente Kennedy e o Congresso comprometeram a nação com uma aterragem lunar tripulada dentro de uma década. Gilruth foi nomeado o Director do Centro de Naves Espaciais Tripuladas e recebeu a responsabilidade de projectar e desenvolver a nave espacial e equipamentos associados, planear e controlar missões e treinar tripulações de voo.

Nesta semana que passou a AMD apresentou os processadores AMD Ryzen série 5000 para desktop desenvolvidos com base na nova arquitectura de núcleo “Zen 3” que oferecem desempenho de liderança abrangente para jogadores e criadores de conteúdo. Oferecendo até 16 núcleos, 32 threads e 72 MB de cache no processador AMD Ryzen 9 5950X, os processadores da série AMD Ryzen 5000 dominam em cargas de trabalho pesadamente segmentadas e eficiência energética, enquanto o processador AMD Ryzen 9 5900X oferece para um aumento de geração de 26% no desempenho de jogos. Com amplas melhorias em todo o núcleo, incluindo um complexo unificado de 8 núcleos com acesso directo ao cache L3 de 32 MB, a nova arquitectura de núcleo “Zen 3” da AMD oferece um aumento de geração de 19% em instruções por ciclo (IPC), o maior desde a introdução de processadores “Zen” em 2017.

Também nesta semana que passou, e ao fim de cinco tentativas, a SpaceX colocou em órbita mais 60 satélites da Starlink. O lançamento marca a 17ª missão da SpaceX até agora em 2020, e seu 94º vôo do Falcon 9 até o momento. A frota de propulsores de voo comprovados da empresa tem estado ocupada este ano, com o construtor de foguetes com sede na Califórnia alcançando alguns novos marcos, incluindo o lançamento e pouso do mesmo propulsor de primeiro estágio seis vezes.

Na Newsletter desta semana apresentamos diversas noticias, artigos científicos assim como projetos de maker.

Esta Newsletter encontra-se mais uma vez disponível no sistema documenta do altLab. Todas as Newsletters encontram-se indexadas no link.