Newsletter Nº249

Newsletter Nº249
Newsletter Nº249

Faz hoje anos que Charles Wheatstone nascia em 1802. Este Físico inglês popularizou a ponte Wheatstone, um dispositivo que mede com precisão a resistência eléctrica e se tornou amplamente utilizado em laboratórios. Na verdade, ele não inventou a “Ponte de Wheatstone”. O seu contemporâneo, Samuel Hunter Christie, teve a ideia do circuito de pontes, mas Wheatstone estabeleceu o precedente para usá-lo da maneira que mais comummente se usa. Com o tempo, o dispositivo associou-se a ele e assumiu o seu nome. No entanto, ele inventou a sanfona (1829), o estereoscópio (1838) e uma forma primitiva do telégrafo. Ele também desenvolveu um cronoscópio (1842) para determinar a velocidade dos projéteis numa artilharia inglesa.

Faz também anos hoje que Gerard K. O’Neill nascia em 1927. Este físico americano inventou o anel de armazenamento de feixe colidencial que aumentou a produção de energia dos aceleradores de partículas utilizando feixes de partículas que se moviam através de uma câmara em forma de anel em direcções opostas. Ele construiu dois anéis de armazenamento em Stanford em 1959, e a técnica logo foi adoptada para inúmeras instalações de alta energia. Como principal defensor da colonização espacial, ele escreveu em seu livro The High Frontier (1978), que as colónias espaciais poderiam ser a solução definitiva para problemas terrestres como poluição, superpopulação e falta de energia. Ele projectou uma estação espacial cilíndrica selada de 1 km de comprimento para ser construída principalmente com materiais lunares processados e usando energia solar. Seria capaz de sustentar uma colónia humana indefinidamente no espaço entre a Terra e a Lua.

Nesta semana que passou ficámos a saber que o governo da Nova Zelândia e a Wisk, uma empresa de mobilidade urbana urbana (UAM), anunciaram um Memorando de Entendimento (MOU) para estabelecer um teste de transporte de passageiros em Canterbury, Nova Zelândia. O táxi aéreo totalmente elétrico da Wisk, chamado Cora, é o avião seleccionado para os testes.
Também esta semana que passou a OneWeb lançou mais 34 satélites para o espaço para a construção de uma constelação de 650 satélites. Este segundo lançamento a bordo de um foguetão Soyuz que partiu do Cosmodromo de Baikonur no Cazaquistão.

Na Newsletter desta semana apresentamos diversos projetos de maker assim como um modelo 3D paramétrico para fazer formicários.

Esta Newsletter encontra-se mais uma vez disponível no sistema documenta do altLab. Todas as Newsletters encontram-se indexadas no link.