Newsletter Nº122

Newsletter Nº122
Newsletter Nº122

Faz hoje anos que nascia, em 1663, Guillaume Amontons. Nascido em Paris, na França, este inventor de instrumentos científicos ficou conhecido pela invenção do termómetro de ar – que depende do aumento de volume de um gás (em vez de um líquido) com a temperatura. Surdo desde a infância, Amontons trabalhou em invenções para surdos, como o primeiro telégrafo, que dependia de um telescópio, luz e várias estações para transmitir informações a grande distância. Ficou igualmente conhecido pelas leis de Amontons da fricção: A força do atrito é directamente proporcional à carga aplicada, a força do atrito é independente da área de contacto aparente e o atrito cinético é independente da velocidade deslizante. Estas 3 leis apenas se aplicam à fricção a seco, na qual a adição de um lubrificante modifica significativamente as propriedades tribológicas. Foi responsável pela introdução da Tribologia, um ramo de engenharia mecânica e ciência dos materiais, que estuda a interacção de superfícies em movimento relativo. Inclui o estudo e aplicação dos princípios de fricção, lubrificação e desgaste.

Faz também anos hoje que nascia, em 1821, Hermann von Helmholtz. Este físico alemão nascido em Potsdam na antiga Prússia, deu diversos contributos nas áreas da fisiologia, óptica, electrodinâmica, matemática e meteorologia, incluindo a lei da conservação de energia. Ele também desenvolveu trabalhos na área da termodinâmica, em particular introduzindo conceito de energia livre. Em 1850, ele mediu a velocidade de um impulso nervoso e, em 1851, inventou o oftalmoscópio. Ele descobriu a função da cóclea no ouvido interno e desenvolveu a teoria da visão da cor de Thomas Young. O seu estudo da acção muscular levou-o a formular uma teoria muito mais precisa em relação à conservação da energia do que a proposta anteriormente por Robert Mayer e James Joule.

Faz igualmente anos hoje que nascia, em 1887, Friedrich Paneth. Este químico austríaco melhorou os métodos na década de 1920 para isolar e medir as pequenas quantidades de hélio (apenas 10-10 cm3) libertadas lentamente por vestígios de elementos radioactivos nas rochas. Isto permitiu a determinação tanto da idade das rochas na terra, como da idade dos meteoritos, que implica a idade do sistema solar (actualmente aceite como tendo 4,6 mil milhões de anos).
Anteriormente, conjuntamente com Georg Charles de Hevesy apresentaram técnicas de identificação radioactiva (1912-13). Paneth usou o rádio D como um marcador para medir a solubilidade dos sais de chumbo, estendendo a técnica ao estudo dos hidretos instáveis de chumbo e bismuto. Contribuiu para o estudo da estratosfera determinando sua composição como uma função de altitude até 45 milhas.

Por fim, faz anos hoje que nascia, em 1912, Robert Frank Borkenstein. Este oficial da policia norte-americana é conhecido pela invenção do dispositivo usado para estimar o nível de álcool no sangue a partir do bafo – o bafómetro. Conhecido como “Balão” este dispositivo permite medir o teor de álcool na respiração de um individuo. Quando o individuo exala num analisador de respiração, qualquer etanol presente na respiração é oxidado para ácido acético no ânodo. No cátodo, o oxigénio atmosférico é reduzido. A reacção global é a oxidação de etanol para ácido acético e água. A corrente eléctrica produzida por esta reacção é medida por um micro-controlador e exibida como uma aproximação do teor geral de álcool no sangue.

Esta semana o Linux fez 26 anos. Lançado por Linus Torvalds como um projecto académico pouco ambicioso, em 1991, nestes 26 anos tornou-se o sistema operativo open-source que tem uma utilização mais diversificada desde Smartphones, TVs, sistemas embebidos, Portáteis, Desktops, Servidores e todo o tipo de computadores desde o Raspberry PI ao Mainframe zSystems da IBM. Sabia que o linux é usado nos sistemas de controlo dos foguetes do foguetão Falcon 9 da SpaceX ?
Também esta semana a Google anunciou que ira disponibilizar o ARCore – Realidade Aumentada para Android. O Android é a maior plataforma móvel do mundo. E nos últimos nove anos, a Google trabalhou para criar um conjunto abrangente de ferramentas, frameworks e APIs que oferecem as criações feitas pelos programadores a todas as pessoas. Esta semana é lançada uma versão de “Preview” do novo kit de desenvolvimento de software (SDK) chamado ARCore. Ele traz capacidades de realidade aumentada para telefones Android existentes e futuros. Os programadores podem começar a experimentar desde já este SDK.
Amanhã, dia 1 de Setembro irá passar junto à Terra o asteróide “Florença”. Trata-se do maior objecto a passar perto do nosso planeta desde que a NASA começou a registar esses tipos de asteróides que passa próximo da Terra. A rocha espacial tem 4,4 quilómetros de comprimento. Passará pela Terra a uma distância segura de 7 milhões de quilómetros, ou quase 18 vezes a distância entre a Terra e a Lua.

Na Newsletter desta semana apresentamos diversos projetos de maker assim como um modelo 3D de como funciona um Transístor. É apresentado também a revista MagPI nº 61 de Setembro de 2017.

Esta Newsletter encontra-se mais uma vez disponível no sistema documenta do altLab. Todas as Newsletters encontram-se indexadas no link.