Newsletter Nº148

Newsletter Nº148
Newsletter Nº148

Faz anos hoje que nascia, em 1611, John Pell. Este Matemático inglês introduziu o sinal de divisão (obelus, ÷) na Inglaterra. O obelus foi usado pela primeira vez por Johann Rahn (1622-1676) em 1659 na Álgebra de Teutsche. O livro de Rahn foi interpretado em inglês e publicado, com adições feitas por John Pell. Segundo algumas fontes, John Pell foi uma influência chave sobre Rahn e ele pode ser responsável pelo desenvolvimento do símbolo. Ficou igualmente conhecido pela equação de Pell e pelos números de Pell.

Faz igualmente anos hoje que nascia, em 1880, Isaac Shoenberg. Este Engenheiro electrotécnico britânico de origem russa foi o principal inventor do primeiro sistema de televisão de alta definição, usado pela British Broadcasting Corporation (BBC) para a primeira transmissão pública de alta definição do mundo (de Londres, 1936). Ele instalou as primeiras estações de rádio na Rússia antes de se mudar para a Inglaterra em 1914. Foi chefe de um grupo de pesquisa para Indústrias Eléctricas e Musicais (EMI) que desenvolveu (1931-35) um tipo avançado de câmara (o Emitron) e um tubo de raio catódico de vácuo rígido relativamente eficiente para o receptor de televisão. Até 1964, a BBC usou sua proposta técnica padrão – 405 linhas de varredura e 25 imagens por segundo.

Faz também anos hoje que nascia, em 1910, Archer Martin. Este bioquímico inglês partilhou (com R.L.M. Synge) o Prémio Nobel de Química em 1952 pelo o desenvolvimento de cromatografia de partição de papel usando dois líquidos diferentes movendo-se em ângulos rectos. Esta técnica analítica rápida e económica separa os diferentes componentes de uma mistura, permitindo sua identificação e análise. Como uma nova ferramenta, proporcionou extensos avanços na pesquisa química, médica e biológica. Em 1941, Martin e Synge perceberam que a partição de um soluto entre um gás e um líquido era possível, mas foi no início dos anos 1950 que Martin desenvolveu a técnica de cromatografia gás-líquido com A. T. James.

Por fim, faz anos hoje que nascia, em 1928, Seymour Papert. Este Cientista informático norte-americano ficou conhecido por ter inventado a linguagem de programação de computador Logo, uma linguagem educacional de programação de computadores para crianças. Estudou sob Piaget, absorvendo suas teorias educacionais. Ele estudou formas de usar a matemática para entender melhor como as crianças aprendem e pensam, e sobre as maneiras pelas quais os computadores podem ajudar na aprendizagem de uma criança. Com Marvin Minsky, ele co-fundou o Laboratório de Inteligência Artificial no MIT.

Nesta semana que passou ficámos a saber que um homem de Saskatoon desenvolveu o maior bungalow de campismo impresso em 3D. Randy Janes, de Saskatoon, finalmente tem o bungalow de campismo de seus sonhos. Janes desenvolveu e imprimiu em 3D no que foi avaliado como não apenas o maior bungalow de campismo impresso em 3D, mas também um dos maiores objectos impressos em 3D internos. A impressão levou nove dias e meio com a maior impressora 3D da América do Norte. James e sua equipa de impressão agora têm um protótipo funcional do bungalow. Este tem quatro metros de altura e pesa 272 quilogramas.

Também esta semana ficámos a saber que a Nokia e a Vodafone vão instalar tecnologia 4G na Lua. A primeira rede móvel cósmica apoiará uma aterragem lunar planeada pela empresa de espaço privado PTScientists. Comemorando 50 anos desde os pequenos passos de Neil Armstrong, a empresa com sede em Berlim tem programado lançar o seu Módulo Autónomo de Aterragem e Navegação (ALINA) em 2019 a bordo de um foguete SpaceX Falcon 9. A cápsula, projectada para transportar e aterrar com dois Audi Lunar Quattro rovers, também servirá como uma estação base LTE, permitindo a transferência suave de dados e vídeos de volta à Terra.

Na Newsletter desta semana apresentamos diversos projetos de maker assim como alguns modelos 3D que poderão ser úteis. É apresentada também a revista newelectronics de 27 de Fevereiro.

Esta Newsletter encontra-se mais uma vez disponível no sistema documenta do altLab. Todas as Newsletters encontram-se indexadas no link.