SapoCodebits VII — The Aftermath

DSC_1381

DSC_1381

 

Mais um ano, mais um Codeb­its!

E o Alt­Lab esteve lá mas desta vez não fomos a prémios, tive­mos sim a honra de ter sido con­vi­da­dos.
Como resposta ao desafio decidi­mos usar a prata da casa e apos­tar nos nos­sos work­shops;

- ALTLAB JUNK CHALLENGE
INTRODUÇÃO AO FRITZING (DESENHO DE CIRCUITOS E PCB BÁSICAS)
MÉTODOS DE PRODUÇÃO DE PCB

Todos sem excepção foram um sucesso, em espe­cial o embri­onário Junk Chal­lenge que agre­gou os cod­bitários tipo marabun­tas, à volta das car­caças de vários equipa­men­tos em fim de vida, com o intu­ito de apren­der a desmon­tar reaproveitar e read­e­quar os com­po­nentes de qual­quer equipa­mento eletrônico. Foi um mimo ver as impres­so­ras a se desin­te­grarem sob a acção das nos­sas formigu­in­has vol­un­tárias.

Nos nos­sos Hack-in-situ projects tive­mos;

- TV Oscilo­sco­pio
— Rac­ing Car Run (RCR) aka “Real­iza a Vir­tu­al­i­dade”

Com grande destaque para o RCR (em foto de capa) uma base inter­es­sante para tirar o pes­soal do sofá e dar exer­cí­cio aos neurónios e aos mús­cu­los, um pro­jecto que não seguiu o plano , yes!!!

O que começou por ter como input o bati­mento cardíaco, acabou ao ritmo de uma mar­cha. O plano ini­cial con­tava com um con­tro­lador por bati­mento car­diaco com o apoio do pes­soal do bital­ino, que gen­til­mente nos emprestaram um sen­sor de bati­mento cardíaco, mas como está­va­mos numa de mar­car passo, con­seguimos ao fim da noite de sexta ter a pista de car­ros a mexer-se com um step­per de exer­cí­cio

Quando nos dedicamos con­seguimos! A veloci­dade do carro ainda não é pro­por­cional à veloci­dade do atleta, mas tam­bém não queríamos fazer tudo bem à primeira. Acabou por ficar definido com uma veloci­dade mín­ima para o carro andar.

Após desmon­tagem, porque no dia seguinte as coisas tin­ham que estar prontas para o work­shop de PCB, desco­b­ri­mos que fazer é uma coisa e refazer é outra e tive­mos alguma difi­cul­dade a repor o kit, mas con­seguimos, tanto, que desco­b­ri­mos um pequeno bug no sis­tema, que per­mi­tia que se ficásse­mos para­dos no pé certo o carro andava soz­inho.

Mas agora temos que voltar a mon­tar a pista numa ver­são estável e arran­car com o campe­onato e dar segui­mento às nos­sas ideias.

É pre­ciso doc­u­men­tar para voltar a fazer.

Venha o prox­imo evento…